Governo publica anteprojeto do BRT em Cuiabá para consulta da população

0
2

As peças gráficas e memoriais descritivos do anteprojeto do Ônibus de Trânsito Rápido (BRT), movido à eletricidade, previsto para ser implantado na Região Metropolitana de Cuiabá, estão disponíveis para consulta no site da secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra). Os documentos serão apresentados oficialmente em audiências públicas a serem realizadas em Cuiabá e Várzea Grande na quinta-feira (16) e sexta-feira (17), respectivamente.

Elaborado pela Sinfra, o anteprojeto e todos os estudos podem ser consultados por qualquer cidadão que tenha interesse em saber a respeito da solução de transporte e de como se dará a implantação dos corredores do BRT em Cuiabá e Várzea Grande. Também serão aceitos por e-mail manifestações, contribuições e questionamentos acerca dos estudos disponibilizados.

A Sinfra explicou que é indispensável que o interessado informe os seus dados, como nome e telefone de contato, acompanhados do item dos estudos a que se refere o questionamento ou contribuição. O e-mail deve ser enviado em até 48 horas antes da data da audiência no respectivo município, de modo que não serão respondidas as contribuições recebidas por e-mail fora do prazo estabelecido.

As dúvidas e questionamentos que já foram enviados para o e-mail disponibilizado já estão sendo respondidas pela Sinfra e os esclarecimentos também estão publicados no portal da secretaria. Os interessados que quiserem realizar manifestações presencialmente durante a audiência pública, que ocorrerá em formato híbrido, também poderão fazê-lo.

Em Cuiabá, a audiência será realizada no dia 16 de setembro no auditório da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), entre as 14h e 17 horas. Já em Várzea Grande, a audiência acontece em 17 de setembro na câmara municipal, também entre as 14h e 17 horas. Em ambos os locais, a presença dos participantes será limitada conforme a capacidade, devido às medidas de distanciamento impostas pela pandemia do coronavírus. Além disso, as audiências também serão transmitidas pelo YouTube do Governo de Mato Grosso.

Tanto as perguntas enviadas por e-mail, quanto as feitas presencialmente nas audiências ou pelo youtube, deverão ser respondidas dentro do período de audiência pública, que está limitada a três horas de duração, sem prorrogação. Desse modo, as perguntas que demandarem maior tempo para resposta serão respondidas em outro momento e publicizadas no portal da Sinfra, como já está ocorrendo, segundo a assessoria.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)

Via: Só Notícias

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário!
Por favor preencha seu nome