Sinop começa fortalecer ações para criar região metropolitana; vice-governador manifesta apoio

0
2

A criação da região metropolitana em Sinop, formada por vários municípios do Nortão, começou a ganhar força, esta tarde, com o encontro de lideranças políticas regionais e de entidades, organizado pela prefeitura sinopense. O vice-governador Otaviano Pivetta, o prefeito Roberto Dorner, o senador Wellington Fagundes, deputados estaduais, prefeitos, vereadores conheceram os primeiros aspectos do projeto e ainda será definida a quantidade de cidades que fará parte mas devem fazer parte Sorriso, Lucas do Rio Verde, Vera, Santa Carmem, Claudia, dentre outras.

O advogado, com atuação em planejamento urbanístico, Wilson Quinteiro, fez palestra apresentando a proposta de avançar no projeto de criação da região metropolitana. “É uma busca de planejamento por uma região metropolitana que significa a busca de desenvolvimento com captação de recursos públicos e privados, planejamento urbanístico, para que tenha uma melhor qualidade de vida para as pessoas. Já existe uma proposição (tramitando na Assembleia Legislativa, de autoria do deputado Gilberto Catani) para criação da região metropolitana tendo como sede Sinop. Mas, é importante destacar que o objetivo é desenvolver toda uma região, todas as cidades. Temos que buscar os conceitos de desenvolvimento socioambiental e que dá a oportunidade para as cidades entrarem em uma agenda de crescimento, com captação de recursos. É um novo tempo e o planejamento é necessário para as cidades brasileiras”. Wilson explicou que um dos passos iniciais é elaborar lei complementar, do Estado, criando a região metropolitana. É um preceito constitucional, que está dentro do estatuto da metrópole. Então, não estamos hoje aqui para debater números, mas para apresentar um novo conceito de desenvolvimento onde a liderança vem para Sinop mas também atinge a liderança de Sorriso e outras cidades da região. É um novo conceito dentro de um plano urbanístico de desenvolvimento”, expôs.

O vice-governador Otaviano Pivetta, declarou que “Sinop já é a metrópole, já congrega a região toda e sempre foi a líder no Norte. Essa organização é bem sucedida a exemplo de outras regiões do Brasil, onde se executa esse projeto de região metropolitana e o que não precisamos mais é criar estrutura pública, já tem muito. Se for possível usar as ferramentas que nós temos, as pessoas que têm no poder público e usar esse título de região metropolitana para trazer benefícios eu acho que precisamos nos engajar e apoiar”. “Temos que ver os projetos bem sucedidos, as regiões onde funciona e como funciona e copiar”, emendou o vice-governador, que também parabenizou Sinop, em nome do governo estadual, pelo aniversário de 47 anos.

O senador Wellington Fagundes (PL) participou e manifestou apoio a iniciativa. “A cidade vai ter o papel de líder do desenvolvimento regional. Sinop precisa se desenvolver mas todas as cidades da região precisam ter o mesmo caminho”, declarou, apontando que o município vem se transformando num grande polo educacional porque o desenvolvimento sustentável se faz com pesquisa, ciência, educação e, com certeza, haveremos de obter recursos para construir o Instituto de Educação Tecnológica e transformar o campus da UFMT de Sinop em Universidade Federal do Nortão e ainda criar o campus da UFMT de Lucas do Rio Verde”, apontou Fagundes.

O prefeito Roberto Dorner disse que a iniciativa de criar a região metropolitana, no dia do aniversário de 47 anos de Sinop, é um grande avanço e a intenção é fazer com que Sinop seja “assim como Cuiabá e seus municípios vizinhos. Então nós, como região metropolitana, teremos mais força para reivindicações ao governo estadual e federal por mais melhorias”. Ele mencionou que haverá, para os empresários que buscam investir na região, orientações e informações das potencialidades de cada município integrante da região metropolitana, com perfil e potencialidades de cada um, parra nortear a criação de mais empresas e indústrias, gerando mais empregos e renda.

O deputado Gilberto Catani (PSL), autor do projeto que cria a região metropolitana de Sinop, disse Mato Grosso tem potencial para criar mais regiões. “Há Estados que tem 10, 15, regiões metropolitanas e nosso Estado só tem a da região da grande Cuiabá. Imediatamente quando chegamos na Assembleia, vimos essa deficiência fiz requerimento para criar a região do Nortão, que Sinop encabeça, e uma na região Sul que Rondonópolis encabeça. O próximo passo está nas mãos dos gestores (prefeitos). Em Sinop, o prefeito Roberto Dorner encampou de imediato essa ideia, tá dando uma resposta aos munícipes e implantando isso porque é trabalho conjunto da prefeitura, governo do Estado e Assembleia. Quero agradecer e enaltecer a atitude do Roberto”, elogiou.

Ainda não foi marcada data para a Assembleia votar o projeto criando a região metropolitana de Sinop.

 

 

 

Só Notícias (foto: Só Notícias/Guilherme Araujo)

Via: Só Notícias

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário!
Por favor preencha seu nome